Transgéneros: “Não há um agravamento da prevalência de carcinomas”

Dr.ª Raquel Mota

Oncologia

Transgéneros: “Não há um agravamento da prevalência de carcinomas”

“Uma das principais queixas da população transgénero é que os médicos não estão preparados para os receber.” Palavras da Dr.ª Raquel Mota, assistente hospitalar de Ginecologia e Obstetrícia no Centro Hospitalar Universitário de São João. Em entrevista, a especialista destacou as principais implicações para o rastreio nos transgéneros. Assista ao vídeo.

Por favor faça ou registe-se para aceder a este conteúdo

Médico News

Médicos

ou