Congresso internacional: o impacto para a “visibilidade do trabalho dos profissionais de saúde”

Dr.ª Margarida Tavares

Oncologia

Congresso internacional: o impacto para a “visibilidade do trabalho dos profissionais de saúde”

Lisboa foi palco do primeiro encontro pós pandemia da European Head and Neck Society, de 8 a 11 de março, no Centro de Congressos de Lisboa. “É bom para a cidade, mas é proveitoso sobretudo para os profissionais de saúde para lhe dar visibilidade ao seu trabalho, à área que investigam e aos doentes que tratam.” A Dr.ª Margarida Tavares, Secretária de Estado da Promoção da Saúde, marcou presença na sessão de abertura do 10th European Congress on Head and Neck Oncology. Veja a entrevista.

O cancro é uma patologia em constante crescimento, muito devido ao envelhecimento marcado na população portuguesa, pelo que é “muito importante ter estratégias e políticas de prevenção e controlo do cancro”, a nível europeu.

Esta patologia referente à cabeça e pescoço tem múltiplos fatores de risco, nomeadamente a infeção por Vírus do Papiloma Humano (HPV) ou o tabaco, impactando também a saúde cardiovascular do doente. Atualmente, Portugal apresenta um Plano Nacional de Vacinação que cobre a vacinação do HPV para raparigas e, mais recentemente, para rapazes. Esta inovação vai permitir “alcançar muito bons resultados no cancro com origem na infeção por HPV”.

Por outro lado, Portugal está a trabalhar num processo de revisão da lei do tabaco, para tornar as próximas gerações livres desta substância.

Médico News

Médicos

ou