Combate à malária avança com contributo de bioinformática

Dr. Nuno Osório

Saúde

Combate à malária avança com contributo de bioinformática

A investigação, desenvolvida por uma equipa de investigadores do Instituto de Investigação em Ciências da Vida e Saúde (ICVS), da Escola de Medicina da Universidade do Minho, liderada pelo Dr. Nuno Osório, concluiu que o estudo do maior parasita da malária – o plasmodium falciparum – deve considerar o seu estado de desenvolvimento nos glóbulos vermelhos, com a ajuda da bioinformática.

Por favor faça ou registe-se para aceder a este conteúdo

Médico News

Médicos

ou